Maio 2019 | 4 a 31 | Teatro Taborda CCS

O Círculo Cultural Scalabitano apresenta a programação da sua Temporada da Primavera para este ano, que vai pontuar o mês de maio, sobretudo no Teatro Taborda – Descarregue a programação em ficheiro pdf.
Proposta diversificada, inclui espetáculos para crianças e para adultos, tertúlia com Miguel Castanho, recentemente homenageado pelo Jornal Correio do Ribatejo, e na abertura uma caminhada organizada pelos caminheiros do CCS.

Logos Produção e apoio

Bilhetes/Reservas: 243 321 150 – 2ª a 6ª feira 14h30/20h00

Programa:

11 | 16H00 | CAMINHADA | ENCONTRO EM FRENTE AO CCS
“Pelas colinas de Santarém, em busca das maias”
Uma organização do grupo de caminheiros do CCS que retoma as suas atividades já este mês de maio.
A 1ª caminhada é já este sábado dia 11 de maio, às 16 horas, a partir do pátio do CCS/Teatro Taborda, com percurso circular, de grau de dificuldade baixo e cerca de 6 km, para que ninguém perca a vontade de repetir.

11 | 21H30 | ADAGIO
Duo Tessitori – Isabel Pereira e João Loureiro
Obras de J. S. Bach, Antonio Vivaldi, Arvo Pärt, Egberto Gismonti e João Loureiro. Adágio é na gíria musical um andamento de carácter lento. Derivado do termo “ad agio”, que significa comodamente, está associado ao programa deste evento que nos convida à introspecção ao relaxamento e ao sonho. (Duração: 60 minutos)

12 | 16H00 | O Sonho do Palhaço Soneca
Veto Teatro Oficina

Através de uma viagem imaginária e numa interação constante com o público, o palhaço Soneca, percorre os caminhos da poluição e da destruição da floresta, refletindo em conjunto com a assistência sobre como recuperar e preservar o planeta.
Texto: Eliseu Raimundo | Encenação: Angelina Madeira e Eliseu Raimundo | Cenografia: Angelina Madeira e Francisco Cercas | Luz e Som: José Carlos Jordão/Francisco Cercas
Elenco: António Júlio Santos, Eliseu Raimundo, Filomena Caetano, Francisco Selqueira, Mário Marcos, Rafael Raimundo (maiores de 6 anos)

18 | 21H30 | Contos de Gin Tónic
Veto Teatro Oficina

Em ambiente de tertúlia, com um Gin na mão, o Veto apresenta um recital com obras de Henrique Leiria (apreciador convicto de Gin). O Surrealismo de Leiria, transporta-nos para um mundo de contradições, sarcasmos e surpreendentes revelações que muito nos ajuda a pensar “fora da caixa”. A sua ironia coloca em evidência as contradições do nosso mundo em textos de curtos e incisivos. [Duração 40’]
Elenco: Eliseu Raimundo, Paulo Domingos, António Júlio Santos, Francisco Selqueira e Nuno Domingos | Luz: Francisco Cercas

Capa Programa

19 | 16H00 | “Dependências” | Teatro Sá da Bandeira
Clubes de teatro dos Agrupamentos de Escolas Alexandre Herculano e Secundária de Mira D’Aire (Porto de Mós)

Os dois clubes de teatro um olhar sobre a problemática das dependências em contexto escolar, num retrato de um dos mais preocupantes temas da atualidade. Uma visão crua e violenta, alimentada por um muro de silêncio a que o medo obriga. Encenação: Professoras: Graça Gonçalves e Fátima Oliveira | Atores: Alunos dos Clubes de Teatro de ambas as Escolas

24 | 20H00 | Tertúlia | “Usar e recusar Ciência no ser e no saber.”
“à mesa com…” Miguel Castanho

Miguel Botas Castanho – investigador em Bioquímica – reside em Santarém e é professor catedrático da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, onde dirige o Instituto de Bioquímica. Coordena ainda um grupo de investigação que integra o Instituto de Medicina Molecular.

25 | 21H30 | Dois Contos
Duo Tessitori – Isabel Pereira e João Loureiro

Obras de Franz Schubert e Graham Whettam
Dois Contos contam duas grandes histórias separadas por um século. Neste segundo concerto o duo interpreta Serenade de Graham Whettam escrita originalmente para Viola D´arco e Guitarra e a magistral Sonata Arpeggione de Franz Schubert, adaptada pelo próprio ensemble. Duração: 60 minutos

26 | 16H00 | Novas Aventuras do Pantufa e do Augusto
Veto Teatro Oficina

O Pantufa chega atrasado, como sempre e o Augusto desespera. Enquanto espera vai conversando com os meninos sobre as suas brincadeiras preferidas e o seu sonho de ser músico.
Quando o Pantufa se apresenta, só resta mesmo uma grande cantoria.

31 | 21H30 | Tertúlia Fado e Poesia
Orquestra Típica Scalabitana e Veto Teatro Oficina

Um serão no ambiente informal da sala polivalente do Círculo, onde se ouvirão fados e poemas.
Oportunidade para escutar os Jograis do Veto que voltam a apresentar poemas onde os temas mais sérios se articulam com a irreverência e a comicidade.
À guitarra estará João Limeiro, à Viola Vasco Rodrigo Nogueira, no violão baixo, o mestre Fernando Maia
acompanhando as vozes de Leonel Carmo, Manuel Coelho e Telmo Seixas.