an!mal

“Um an!mal tem obrigatoriamente duas coisas: alma e movimento.
Este também tem um ponto de exclamação lá no meio, que é para ninguém adormecer.
Há quem diga que era um i que se fartou de estar sempre na mesma posição.
Talvez uma pequena revolta…ou será só brincadeira?

Vive em Santarém, tendo como habitat preferencial o Círculo Cultural Scalabitano
formado por pessoas que gostam de teatro e que têm idades compreendidas entre os 14 e os 20 anos.
Os encenadores (que acumulam e partilham outras funções) são um bocadinho mais velhos, é verdade, mas isso agora não interessa…Ao todo, somos 24, o que já faz um grande grupo de amigos.

Fundado em Setembro de 2007, por iniciativa de ex-alunos de Oficina de Teatro da E.B. 2,3 Alexandre Herculano, orientados por Rui Lopes (director e encenador).
A este grupo inicial, juntou-se Joana Oliveira e Francisco Selqueira (encenação e direcção de actores, respectivamente).

Fazendo justiça ao seu nome, o grupo caracteriza-se pela constante renovação do seu elenco, acolhendo actualmente jovens actores com idades compreendidas entre os 12 e os 23 anos. O tempo médio de permanência no grupo é de três anos, correspondentes ao Ensino Secundário, o que permite um trabalho de continuidade, interrompido pela entrada no Ensino Superior (a grande maioria dos actores que saíram do grupo encontram-se actualmente a frequentar o Ensino Superior).

Desde a sua formação, o grupo foi acolhido pelo Círculo Cultural Scalabitano, que posteriormente o integrou na sua orgânica como Oficina de Formação.

O Grupo an!mal participou nas quatro últimas edições do PANOS (Culturgest), tendo sido seleccionado para o Festival de Encerramento em Lisboa na edição de 2008. Ainda neste âmbito, organizou duas edições do Festival Panos – Santarém, em 2009 e 2010.

Exceptuando o apoio logístico do C.C.S. (espaço e apoio técnico) e da C.M.S. (estreias no T.S.B. e transporte para as deslocações), o grupo tem mantido a sua actividade sem quaisquer apoios financeiros ou subsídios.

Historial de apresentações

2008

  • ADN – Ácido Desoxirribonucleico”, de Dennis Kelly (PANOS – Culturgest): Teatro Sá da Bandeira, Grande Auditório da Culturgest, Teatro da Comuna e Teatro Taborda
  • O Estendal”, de Joana Oliveira/an!mal: Teatro Taborda e Museu da Criança

2009

  • O Estendal”: Teatro Taborda (no âmbito da Semana do Teatro, organizada pelo TSB) e Expo-Criança
  • O Coro dos Maus Alunos”, de Tiago Rodrigues (PANOS – Culturgest): Teatro Sá da Bandeira, Teatro Viriato (Viseu), Teatro Taborda
  • Refuga”, de Abi Morgan (PANOS – Culturgest): Teatro Sá da Bandeira e Teatro Taborda
  • Alguém viu por aí o Sr. Brecht?”, de an!mal: apresentação no Bar do Teatro Sá da Bandeira (Semana do Teatro)
  • Organização do primeiro Festival PANOS – Santarém, em parceria com o Teatro Sá da Bandeira e o Círculo Cultural Scalabitano: participação dos autores portugueses (Tiago Rodrigues e Miguel Castro Caldas) e de grupos da Portela de Sacavém, Avis, Torres Novas e Marinhas do Sal – Rio Maior.
  • Participação na Gala do Veto – Teatro Oficina (Teatro Sá da Bandeira)

2010

  • O Gajo”, de Miguel Ramos Leal: Teatro Sá da Bandeira (no âmbito da Semana do Teatro, organizada pelo TSB) e Teatro Taborda
  • Belavista”, de Lisa McGee (PANOS – Culturgest): Teatro Sá da Bandeira, Teatro Taborda e Centro Cultural Vila Flor (Guimarães)
  • Organização do segundo Festival PANOS – Santarém, com a participação dos autores portugueses (Rui Cardoso Martins e André Teodósio) e de grupos de Avis, Rio de Mouro e Gaia

2011

  • Dentro de mim”, fora daqui, de Filipe Homem Fonseca (PANOS – Culturgest): Teatro Taborda em Santarém e Teatro Municipal de Faro
  • O Gajo”, de Miguel Ramos Leal: Teatro Taborda
  • Organização de um Convívio-PANOS, com a participação do grupo do Colégio dos Carvalhos (Gaia), no Teatro Taborda
  • Os Bons Lobos Maus (Estendal 2)”, de Joana Oliveira Encenação: Francisco Selqueira: Teatro Sá da Bandeira (Santarém), Teatro Taborda (Santarém), Expo-Criança (CNEMA – Santarém)

2012

  • Os Bons Lobos Maus (Estendal 2)”, de Joana Oliveira Encenação: Francisco Selqueira: Teatro Sá da Bandeira (Santarém), Teatro Taborda (Santarém), Expo-Criança (CNEMA – Santarém)
  • O Septeto Fatal”, de Alex Cassal (PANOS – Culturgest) Encenação: Rui Lopes e Joana Santos: Teatro Sá da Bandeira, Teatro Taborda em Santarém

2013

  • Ester”, de Rui Catalão (PANOS – Culturgest). Encenação: Joana Santos e Catarina Diogo: Teatro Sá da Bandeira (Santarém), Teatro Taborda (Santarém).
  • Às escuras”, de Davey Anderson (com tradução de Mariana Vieira), (PANOS – Culturgest)encenada e dirigida por Rui Lopes. Teatro Sá da Bandeira, Teatro Taborda em Santarém

2014

  • Hotel”, de Gonçalo M. Tavares (PANOS – Culturgest). Encenação: Rui Lopes , Teatro Taborda (Santarém).