Exposição “Imprensa Periódica na Biblioteca Guilherme de Azevedo (1933-1974)”

15/18 de Maio 2006 no foyer do C.C.S.

O Grémio Literário Guilherme de Azevedo, fundado no princípio do século XX, tem uma longa existência, datada pelo menos de 1906, muito provavelmente 1905. As suas origens republicanas determinaram o valor que esta instituição deu à educação e à cultura, reflectindo-se nas actividades que promoveram como o teatro, a música, a dança, a esgrima, a ginástica, a declamação de poesia, bem como a leitura. Daí a existência de um gabinete de leitura e uma biblioteca.

Esta associação ocupou o espaço do Teatro Taborda, pelo menos a partir de 1912. Mais tarde, em Fevereiro de 1928, o Grémio pretendeu dinamizar essa biblioteca e, por isso apelou aos editores e escritores para que oferecessem livros. Em 1930, foram executadas obras de adaptação do edifício, para instalar condignamente a Biblioteca, a qual seria inaugurada no mesmo ano, “tornando-se assim única no género, em Santarém”.

Foi com a fusão do Clube Literário Guilherme de Azevedo e o Orfeão Scalabitano, em 1954, que se inscreveu esta biblioteca designada por “Guilherme de Azevedo”, como uma secção do Círculo Cultural Scalabitano. [LB]

Fotos: Luísa Barbosa